Category Archives: Previdencia Social

INSS beneficio auxilio doença

 

A Previdência Social é o órgão do Governo Federal responsável por repassar aos contribuintes do INSS (Instituto Nacional de Seguro Social) todos os benefícios aos quais têm direito aqueles que estão com suas contribuições em dia e que em caso de necessidade, podem usufruir deste serviço.

São muitos os benefícios garantidos pela Previdência Social: seguro-desemprego, pensão por morte, aposentadoria por invalidez, aposentadoria por tempo de contribuição e o auxílio-doença, entre outros. Neste post, irei explicar melhor como funciona o benefício auxílio-doença concedido pelo INSS.

auxilio_doenca

Para ter direito a solicitar o auxílio-doença, o empregado com registro em carteira de trabalho deve estar contribuindo no mínino ao um ano para o INSS. A solicitação pode ser feita após 15 dias afastado do emprego por motivos de doença.

A solicitação pode ser feita em qualquer Agência da Previdência Social ou pelo telefone de atendimento 135. Na verdade, o atendente irá marcar uma consuta pericial para você. Caberá ao médico trabalhista determinar se você está ou não apto a continuar exercendo suas funções rotineiras.

Caso o médico considere você capaz de continuar trabalhando, mas você não se sinta em condições, é possível entrar com uma ação judicial e solicitar outro exame.

inss

Se o médico constatar que você não está em condições de continuar trabalhando, então você passará a receber o valor do benefício através da Caixa Econômica Federal, com o seu Cartão Cidadão.

Vale lembrar que:

• se o beneficiário portar a doença antes de se tornar segurado, só receberá o benefício se a incapacidade for decorrente do agravamento da mesma;

• para as categorias diferentes de empregados privados, o benefício passa a valer no dia em que se comprovar a incapacidade.

Para saber mais informações sobre este e outros benefícios, leia mais no site www.dataprev.gov.br

Calcular seguro desemprego

 

Entre todos os benefícios aos quais os contribuintes do INSS tem direito, um dos mais requeridos é o seguro-desemprego. Trata-se de uma assistência financeira que o segurado pode solicitar à Previdência Social em caso de ser demitido sem justa causa.

seguro desemprego

Embora seja concedido apenas nas circunstâncias citadas, existem muitos funcionários que forçam uma demissão, causando, de forma indireta, problemas e prejuízos para seu empregador. São consideradas demissões poor justa causa: insubordinação, danos físicos ou morais, roubo ou furto, abandono de emprego (quando o funcionário não vai trabalhar e não justifica por mais de 15 dias), entre outros.

Se você foi demitido por qualquer motivo que não se classifique como justa causa e tinha registro em carteira de trabalho, então você pode solicitar o seguro-desemprego. Confira a quantas parcelas você tem direito:

*quem manteve vínculo empregatício de 6 a 11 meses nos últimos 36 meses tem direito a 3 parcelas;

* quem manteve vínculo empregatício de 12 a 23 meses nos últimos 36 meses tem direito a 4 parcelas;

* quem manteve vínculo empregatício de no mínimo 24 meses nos últimos 36 meses tem direito a 4 parcelas.

E agora, verifique o valor da parcela através da tabela vigente, disponível no site da Porevidência Social:

Faixas de Salário Médio

Valor da Parcela

Até R$ R$ 899,66

Multiplica-se salário médio por 0.8 (80%)

De R$ 899,66 até
R$ 1.499,58

O que exceder a 899,66 multiplica-se por 0.5 (50%)
e soma-se a 719,12.

Acima de R$ 1.499,58

O valor da parcela será de R$ 1.019,70 invariavelmente.

Salário Mínimo: R$ 545,00

seguro desemprego1

 

Para solicitar seu benefício, se encaminhe até algum posto do Sistema Nacional de Emprego ou nos Postos de Atendimento das Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego, munido de documentos de identificação e duas vias do formulário de Seguro-desemprego que seu empregador precisa ter lhe entregue (é obrigação dele e direito seu) devidamente preenchido por ele.

Dataprev beneficios

 

A Dataprev é a Empresa de Tecnologia e Informação da Previdência Social, e através da web atende aos segurados de forma rápida e eficiente.

Entre os muitos serviços oferecidos pela Dataprev, certamente a consulta à benefícios é uma das mais solicitadas. Para saber quais benefícios você pode consultar pela Dataprev, conheça os benefícios que você tem direito sendo um contribuinte do INSS:

dataprev beneficios

*Auxílio- doença: se por motivo de doença, o empregado fica impossibilitado de trabalhar, o empregador paga os primeiro 15 dias. Se a incapacidade permanecer, o INSS paga a partir do 16º dia de afastamento da empresa. Trabalhadores individuais também podem contratar este serviço.

*Auxílio- reclusão: se o contribuinte estiver em dia com Previdência Social, sua família recebe um auxílio financeiro, que pode ser cancelado em caso de fuga do segurado.

*Salário- maternidade: as contribuintes têm direito a receber pelos 120 dias em que elas podem se afastar da empresa. Este benefício também se estende a mães adotivas, tendo prazo variável de acordo com a idade da criança.

*Pensão por morte: o direito à pensão que os dependentes do segurado adquirem quando o mesmo falece. Hoje, tanto homens quanto mulheres têm direito a este benefício (antes, só as viúvas usufruíam).

*Auxílio-acidente: indenização paga aos segurados que forem prejudicados em sua capacidade trabalhista em função de algum acidente, independentemente de sua natureza.

*Seguro-desemprego: amparo financeiro aos segurados que forem dispensados de seus empregos sem juta causa. É proporcional ao tempo de permanência no emprego e pode variar de 3 a 5 meses.

dataprev beneficios 1

Através do site da Dataprev é possível emitir os extratos dos benefícios. Estes tipos de extratos são usados para  comprovar o recebimento de benefícios, e são solicitados em serviços como empréstimos, por exemplo.

*No portal Dataprev também é possível visualizar concursos públicos.

Marcar pericia inss

 

Por se tratar de um serviço prestado pelo Governo Federal, o INSS ( Instituto Nacional de Seguro Social) sempre gera polêmica ao se tratar de consultas marcadas para avaliação do segurado. De um lado, o empregado reclama da demora em ser atendido, e de outro lado, o empregador reclama do resultado da perícia médica.

pericia inss

A perícia médica feita pelo INSS deve ser solicitada sempre que algum dano de saúde estiver influenciando no desenvolvimento produtivo do trabalhador. Essa solicitação de consulta independe da origem do dano; pode ser feita para verificar doenças desenvolvidas pelo funcionário por alguma circunstância que em nada tenha a ver com a empresa ou quando o empregado tiver se envolvido em algum acidente de trabalho ou desenvolvido alguma doença em decorrência das atividades desenvolvidas em seu emprego.

Esta perícia serve para determinar se o empregado está apto para continuar trabalhando ou se ele precisa se afastar por algum tempo do trabalho, o famoso ato de “se encostar”. Durante este período o segurado recebe amparo da Previdência Social, e não pode ser demitido da empresa com a qual mantém vínculo.

Para marcar perícia no INSS, você já não precisa mais ficar em filas inacabáveis dos postos do INSS, basta fazer seu agendamento eletrônico pelo site da Previdência Social. Para isso, tenha em mãos seu CPF, seu NIT (Número de Inscrição do Trabalhador), e em casa de ser empregado doméstico, é necessário, também, informar o CPF e o nome completo do empregador.

inss

Mas vale lembrar que os médicos do trabalho que trabalham para a Previdência Social são muito rigorosos, e nem sempre concedem o afastamento. Porém, o trabalhador realmente não consegue desenvolver suas atividades e não conseguiu o afastamento, pode entrar com uma ação judicial para novos exames. Como podem ser processos demorados, evite transtornos desnecessários. Se cuide e trabalhe com atenção.

INSS Autonomo

 

Para trabalhadores que possuem registro em carteira de trabalho, falar de INSS pode ser um pouco confuso, às vezes. Mas falar de INSS para trabalhadores autônomos pode causar uma confusão maior ainda. Normalmente, a pura falta de informação é a causadora de todos os males. Então selecionei algumas informações que podem tornar o assunto mais claro para aqueles que mesmo sem registro em carteira querem usufruir dos benefícios previdenciários. Vejamos:

*Para os trabalhadores autônomos ou facultativos, a tabela de contribuição em vigor este ano é a mesma que para os demais trabalhadores (tabela disponível no site da Previdência Social):

 

TABELA VIGENTE
Tabela de contribuição dos segurados empregado, empregado doméstico e trabalhador avulso, para pagamento de remuneração
a partir de
1º de Janeiro de 2011

Salário-de-contribuição (R$)

Alíquota para fins de recolhimento
ao INSS (%)

até R$ 1.106,90

8,00

de R$ 1.106,91 a R$ 1.844,83

9,00

de R$ 1.844,84 até R$ 3.689,66

11,00

                                       Portaria  nº 568, de 31 de dezembro de 2010

*Para se registrar como autônomo, basta ir até uma Agência da Previdência Social e solicitar o cadastro. Tenha em mãos o número de PIS/Psep, caso já tenha trabalhado como empregado. Se você tiver acesso à internet, pode se cadastrar por esta página da Previdência Social.

*O carnê de Guia da Previdência Social (GPS) pode ser adquirido em qualquer papelaria.

*O valor da contribuição para trabalhadores autônomos é de 20% sobre o valore recebido da prestação de serviço ou venda realizada.

*O pagamento da GPS deve ser feito até o dia 15 de cada mês posterior ao que a contribuição se refere.

Agora que você já sabe todas estas informações, ficou fácil manter sua contribuição ao INSS em dia, não é? Mas se quiser conferir alguma destas ou outras informações, acesse o site da Previdência Social e esclareça: www.previdenciasocial.gov.br .

inss

Dataprev INSS

 

Entre os diversos segmentos da Previdência Social, um dos mais importantes é o INSS (Instituto Nacional de Seguro Social). Ele é a repartição do Governo Federal responsável por receber as contribuições para manutenção dos seguros e benefícios sociais repassados pela Previdência Social.

dataprev

A mais eficaz plataforma de atendimento da Previdência Social é a Dataprev (Empresa de Tecnologia e Informação da Previdência Social). Através dela (clique aqui para abrir o site ) é possível consultar todos os benefícios sociais aos quais o cidadão tem direito e emitir os documentos comprobatórios de recebimento dos benefícios, os chamados extratos.

Um dos principais motivos que leva as pessoas a solicitarem este documento é a necessidade que comprovar sua situação legal em relação às contribuições tributárias do INSS. Quando o sujeito está em dia com sua contribuição, dizemos que seu comprovante é uma Certidão de Negativa de Débitos (CND). Caso existam irregularidades em sua contribuição tributária, dizemos que seu comprovante é uma Certidão Positiva de Débitos, com efeito de Negativa (CPD-EN).

Os casos mais comuns em que se devem apresentar a certidão são em averbação de imóveis e em solicitação de baixa da empresa em órgãos competentes. É preciso ter um cuidado especial em relação ao tempo de validade da certidão, pois ela tem validade de 180 dias a partir da data de emissão. Para evitar possíveis complicações, é possível solicitar outra certidão a partir de 90 dias passados da última emissão. Antes disso, é possível apenas a emissão de 2ª via.

Além da aposentadoria por tempo de contribuição, outros benefícios são garantidos pelo INSS. Alguns deles são: seguro desemprego, auxílio-doença, salário-maternidade, aposentadoria por invalidez, etc.

inss

(O valor de contribuição pago ao INSS é uma alíquota tabelada de acordo com salário de contribuição de cada empregado. Todo ano esta tabela pode sofrer alterações, acompanhando o ajuste do piso salarial. Verifique a tabela vigente no site da Previdência Social.)

Dataprev Consulta

 

A Dataprev é a Empresa de Tecnologia e Informação da Previdência Social e, atualmente é uma das principais ferramentas de atendimento usada pelos segurados.

Agora, você não precisa mais se deslocar até uma Agência da Previdência Social para fazer consultas relacionadas a aposentadorias e quaisquer outros benefícios concedidos pelo Governo Federal. Através da internet, você pode ter acesso a todas as informações registradas em seu cadastro do CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais).

dataprev consulta

Para obter os dados do CNIS, é preciso acessar o endereço www.dataprev.com.br e, ter em mãos o seu Número de Inscrição Trabalhista (NIT). No seu primeiro emprego com carteira assinada, a empresa deve ter lhe encaminhado até a Caixa Econômica Federal, onde anotaram um número em sua Carteira de Trabalho e, então você preencheu um cadastro para receber o Cartão Cidadão. O número anotado é o número do Nit.

Se você ainda não tem NIT, é muito simples gerar um. Se você já teve mais que um emprego e não encontra seu número do NIT nem na sua carteira de trabalho (nas primeiras páginas nos modelos mais

atuais e nas últimas nos modelos antigos- ainda com o nome de PIS), nem encontra nenhum contrato de rescisão para consultá-lo, você pode solicitá-lo pelo site da Dataprev.

Basta acessar esta janela e ir preenchendo os campos como se você fosse se cadastrar como contribuinte individual. Ao término do cadastro, aparecerá na tela uma mensagem informando que você já possui o número e qual é este número. Então você deve anotá-lo em um lugar seguro (indico que seja em alguma folha em branco da sua Carteira de Trabalho), para que não corra o risco de esquecê-lo novamente.

Com estes dados em dia, fica muito acessível verificar como andam seus investimentos de contribuições. É possível verificar em quanto está sua aposentadoria e solicitar emissão de extratos do INSS, caso precise para alguma solicitação de prestação de serviço.

telefone-do-inss-ministério-da-previdência-social

Brasilprev

A parceria entre o Banco do Brasil e a Principal Financial Group resultou na Brasilprev, uma das maiores Companhias de Previdência Privada (complementar) Aberta do território nacional.

 

brasilprev 1

A categoria “Aberta” se aplica à empresa especifica do segmento de Previdência Complementar e, sendo ligada ao Ministério da Fazenda, é fiscalizada pelo Susep (Superintendência de Seguros Privados). Já “Fechada” se aplica à fundação de uma empresa específica que trata de administrar fundos de pensão.

Fala-se em Previdência Complementar quando o cidadão economicamente ativo reserva uma quantia de sua renda (valor que ele mesmo determina) para um investimento em longo prazo que será sacado posteriormente.

A Brasilprev oferece 2 tipos de planos:

*PGBL (Plano Gerador de Benefícios Livres): indicado para pessoas que declaram Imposto de Renda no formulário completo. Com ele todas as contribuições podem ser deduzidas do cálculo de base do Imposto de Renda (até 12% da renda bruta anual).

*VGBL(Vida Gerador de Benefício Livre): este plano é mais recomendado para quem declara Imposto de Renda no formulário simplificado ou para quem ultrapassou o limite de dedução( 12% da renda anual bruta).

O comprometimento profissional típico do quadro de funcionário do Banco do Brasil fez da competência a marca registrada da Brasilprev. Entre as diversas formas com as a companhia já foi reconhecida ao longo dos seus 17 anos de atuação, podemos destacar algumas:

*eleita pela revista Carta Capital como a empresa Mais Admirada no segmento de Previdência Privada;
* 7 vezes já conquistou o prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente;

*em novembro do ano passado, a revista Valor Investe classificou diversos dos produtos da Brasilprev com 3,4 e 5 estrelas.

brasilprev

No site www.brasilprev.com.br você pode fazer um simulação em áudio e vídeo dos plano Brasilprev. Estão disponíveis as versões Flash (para banda larga) e em html (para conexões de internet discada ou normal).

Consultar seguro desemprego

 

Para empregadores, seguro-desemprego pode significar dor de cabeça. Até porque, ser mandado embora do emprego para alguns funcionários, é mais vantajoso do que permanecer nele. Esta contradição se deve à existência do famoso “seguro-desemprego”, um dos benefícios concedidos aos segurados pela Previdência Social.

Falo que para alguns empregadores este assunto pode ser uma dor de cabeça porque muitos empregados se aproveitam deste benefício e começam a diminuir seu rendimento para serem demitidos e usufruírem do benefício. No entanto, alguns espertinhos podem se ferrar se forem demitidos por justa causa. Insubordinação, agressões morais e físicas, furtos à empresa e abandono de emprego são algumas das circunstâncias que geram demissões por justa causa, ou seja, casos em que o funcionário não tem direito ao seguro-desemprego.

Consultar Seguro-Desemprego

Mas se você é um sujeito honesto e foi demitido por algum motivo considerado justo- se a empresa contratante vai fechar ou por corte de gastos, por exemplo- você tem direito ao seguro-desemprego. Observe a quantidade de parcelas do benefício:

*quem manteve vínculo empregatício de 6 a 11 meses nos últimos 36 meses tem direito a 3 parcelas;

* quem manteve vínculo empregatício de 12 a 23 meses nos últimos 36 meses tem direito a 4 parcelas;

* quem manteve vínculo empregatício de no mínimo 24 meses nos últimos 36 meses tem direito a 4 parcelas.

Se você está em alguma das situações citadas, não lamente sua demissão. Se encaminhe até algum posto do Sistema Nacional de Emprego ou nos Postos de Atendimento das Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego, munido de documentos de identificação e duas vias do formulário de Seguro-desemprego que seu empregador precisa ter lhe entregue (é obrigação dele e direito seu) devidamente preenchido por ele. Fique atento ao prazo de requerimento, que para empregados formais é de até 120 dias após a dispensa (o requerimento pode ser feito a partir de uma semana da dispensa).

consultar seguro desemprego 1

Feito isso, você pode consultar seu benefício, tendo em mãos o número do seu PIS/PASEP e clicando nesta página. Se o valor estiver disponível, dirija-se até uma agência da Caixa Econômica Federal e saque com o Cartão Cidadão.

Previdencia social beneficios

A Previdência Social é um seguro que garante aos brasileiros amparo social, principalmente em questões que se referem a vínculos empregatícios. Um de seus principais serviços é a aposentadoria. Se o trabalhador possui registro em carteira de trabalho, automaticamente está contribuindo com a Previdência Social e, decorrido o tempo necessário ou por motivos de força maior, pode se aposentar.

Além da aposentadoria por tempo de contribuição, sendo obrigatórios 35 anos para homens e 30 para mulheres, existem a aposentadoria por invalidez e a aposentadoria especial (concedida a trabalhadores que comprovarem trabalhar em empregos que comprometam sua saúde).

previdencia social beneficios

Veja mais alguns benefícios previdenciários:

*Auxílio- doença: se por motivo de doença, o empregado fica impossibilitado de trabalhar, o empregador paga os primeiro 15 dias. Se a incapacidade permanecer, o INSS paga a partir do 16º dia de afastamento da empresa. Trabalhadores individuais também podem contratar este serviço.

*Auxílio- reclusão: se o contribuinte estiver em dia com Previdência Social, sua família recebe um auxílio financeiro, que pode ser cancelado em caso de fuga do segurado.

*Salário- maternidade: as contribuintes têm direito a receber pelos 120 dias em que elas podem se afastar da empresa. Este benefício também se estende a mães adotivas, tendo prazo variável de acordo com a idade da criança.

*Pensão por morte: o direito à pensão que os dependentes do segurado adquirem quando o mesmo falece. Hoje, tanto homens quanto mulheres têm direito a este benefício (antes, só as viúvas usufruíam).

*Auxílio-acidente: indenização paga aos segurados que forem prejudicados em sua capacidade trabalhista em função de algum acidente, independentemente de sua natureza.

*Seguro-desemprego: amparo financeiro aos segurados que forem dispensados de seus empregos sem juta causa. É proporcional ao tempo de permanência no emprego e pode variar de 3 a 5 meses.

Para conhecer mais motivos para estar em dia com a sua contribuição, acesse o site da Previdência Social.
previdencia social beneficios 1